Pular para o conteúdo principal

Alegando ser perseguido por Moro (assim como Lula), Eduardo Cunha recorre para anular processo em que foi condenado


RIO – A defesa do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB/RJ) parece estar seguindo a mesma estratégia do ex-presidente Lula em relação ao Juiz Sérgio Moro e recorreu ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) para tentar anular o processo em que foi condenado, em março, pelo juiz federal, da 13ª Vara Federal de Curitiba. Cunha entrou com recurso de Exceção de Suspeição Criminal e quer que o juiz seja considerado suspeito no julgamento da ação penal contra ele.
Em 24 de março deste ano, dias antes da condenação de Cunha, a defesa do ex-presidente da Câmara já havia feito um pedido a Moro para que o juiz avaliasse a possibilidade de não julgar o caso. Entre as alegações da defesa de Cunha estavam a de que o juiz seria parcial,que o cumprimento da prisão preventiva dele havia sido “amplamente noticiado pelos veículos de informação” e que Moro havia negado que testemunhas do deputado que moram fora do país fossem ouvidas. O magistrado negou a solicitação do ex-presidente da Câmara.
“Embora seja direito da parte utilizar todos os instrumentos legais para sua Defesa, deve ser criticado o manejo de expedientes manifestamente improcedentes no processo penal, máxime o questionamento da parcialidade do Juízo sem que haja qualquer motivo minimamente concreto”, escreveu Moro na época (veja aqui a decisão completa).
O recurso aguarda um parecer do Ministério Público Federal (MPF). O órgão tem 30 dias para se pronunciar sobre o caso. O relator será o desembargador João Pedro Gebran Neto da 8ª turma do TRF-4. Após o parecer do MPF, o pedido vai a julgamento. Caso Sérgio Moro seja considerado suspeito, todo o processo contra Eduardo Cunha é anulado. Caso contrário, de acordo com Ticiano Figueiredo, advogado do deputado cassado, o processo segue normalmente.
– Isso é natural. Fizemos esse pedido antes da condenação do Cunha (o primeiro pedido de suspeição criminal a Moro, negado pelo magistrado). Agora ele vai para o MPF e depois volta com um parecer para julgamento. Se o Moro for considerado suspeito, o processo todo é anulado. Caso não seja, o processo segue normalmente – disse.
Eduardo Cunha foi condenado em março deste ano a 15 anos e 4 meses de prisão em um processo da Lava-Jato. No processo, o ex-deputado foi condenado por ter recebido US$ 1,5 milhão em propina pela compra, pela Petrobras, de área de exploração em Benin, na África. O negócio teria rendido pouco mais de US$ 10 milhões em propinas e US$ 7,8 milhões ainda não foram rastreados. Eduardo Cunha está preso no complexo médico penal de Curitiba.
No início do mês, o Ministério Público Federal apelou contra essa sentença pedindo que a pena fosse aumentada pelo desembargador que assumir o caso. A Defesa de Cunha tem até o fim da semana para apresentar as contra-razões ao apelo do MPF. (O Globo)
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Adiado o desfile de 7 de Setembro em Bonfim
Em uma reunião ,que ocorreu na noite desta terça-feira,dia 05, com a equipe da Secretaria de Educação do Município,uma decisão considerada muito difícil foi tomada, tendo em vista as previsões de chuva para quinta-feira, dia 07 de Setembro, feriado da Independência do Brasil, e pensando na falta de condições de alojar tantas, crianças da rede municipal que participariam do desfile cívico, a secretaria de educação juntamente com a equipe de governo, achou por bem adiar o desfile para uma data posterior com o tempo bom. “Mais que vai acontecer vai garantiu  Cristiane Maia, secretária de Educação.’ Imagem arquivo Google
Acidente próximo a Ladeira do Coité, mulher teve a cabeça estourada em queda de moto
Por volta das 23h00min deste domingo (05), uma queda estourou a cabeça de uma mulher ainda não identificada que seguia na garupa de uma moto, próximo a Ladeira do Coité. Reportagem do Blog do Netto Maravilha esteve no local, na BA 131, aproximadamente 7 km do Centro de Bonfim e conversou com testemunhas que informaram que o condutor da moto Honda XRE 300, de cor vermelha, placa PJF – 5293, licença de Senhor do Bonfim, “eles seguiam sentido Missão a Bonfim, e ainda teriam feito zig zag vindo a cair, após a queda e ao perceber as gravidades sofridas pela vítima, o piloto se atirou no matagal dizendo que iria se matar e está desaparecido, ele abandonou as chaves próximo a moto e apresentava sintomas de embriagues”, disse testemunhas. Ainda segundo testemunhas, que seguiam no Fiat Toro, com destino a Irecê, ouviram de outras pessoas que o casal fazia uso de bebida alcoólica desde cedo em Missão do Sahy. …
Policial: Polícia Civil realizou “Operação Prision” e prende mais de 20 envolvidos em 8 cidades baianas
FacebookTwitterGoogle+ Aos 29 dias do mês de novembro de 2017, foi deflagrada pela Polícia Civil da Bahia a OPERAÇÃO PRISIONA, para cumprimento de 50 (CINQUENTA MANDADOS JUDICIAIS), sendo 25 (vinte e cinco) mandados de busca e apreensão e 25 (vinte e cinco) mandados de prisões nas cidades de Senhor do Bonfim/BA, Antonio Gonçalves/BA, Campo Formoso/BA, Jaguarari/BA, Filadélfia/BA, Itiúba/BA, Conceição do Coité/BA e Itaparica/BA. Durante 02 anos, equipes do S.I. da 19ª COORPIN, em conjunto com a Superintendência de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública da Bahia monitoraram traficantes da região, com a finalidade de desarticular e prender os envolvidos, onde atuavam no tráfico de drogas, venda e compra de armas, roubos, assaltos e homicídios, tendo como líder ECELVANDE PEREIRA DA SILVA, Vulgo “SELVANO”, o qual cultiva e vende maconha, como também outras drogas como, crack e c…