Pular para o conteúdo principal

MP cobra transferência de detentos e interdição da cadeia de Senhor do Bonfim

Após a uma rebelião e a fuga de 22 presos registrada no dia 31 de julho na Delegacia de Senhor do Bonfim,  o Ministério Público (MP-BA) informou, no sábado (5), que ajuizou ação civil pública contra o estado da Bahia pedindo a transferência de detentos e a interdição da cadeia do município. De acordo com o MP, as instalações físicas da unidade não se enquadram no “conceito legal de cadeia pública”, já que, segundo o órgão, não oferece condições mínimas para um bom funcionamento. O MP diz que o local apresenta grande risco de colapso elétrico e estrutural, conforme apontam laudos e relatórios técnicos aos quais o órgão teve acesso. A promotora Daniele Cochrane, da 3ª Promotoria de Justiça de Senhor do Bonfim, responsável pela ação, disse ainda que, para além das fugas já observadas, “afigura-se flagrante a possibilidade de uma tragédia anunciada diante da omissão estatal em dotar a comarca de Senhor do Bonfim de unidade prisional adequada para receber seus presos”.Ainda de acordo com o órgão, essa situação está em desacordo com as exigências da Lei de Execuções Penais e impõe aos presos provisórios da unidade uma “condição desumana e degradante”, além de colocar em risco os agentes penitenciários.A promotora esclareceu que já existe uma decisão judicial, proferida em processo distinto, com determinação de interdição da carceragem da cidade e diz que o MP, diante do agravamento da situação, solicitou o cumprimento da determinação. O MP pede que o estado da Bahia implemente política de transferência da atividade de custódia dos presos provisórios da comarca de Senhor do Bonfim para a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), mediante sua estrutura organizacional, administrativa e física, em prazo de até três meses.G1
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Senhor do Bonfim-BA: Jovem de 17 anos se enforca no Alto da Rainha. Por volta das 15 horas deste sábado após voltar a sua casa para levar o almoço de seu irmão a jovem, Mirela, teve o pior susto de sua vida ao se deparar com o corpo de seu irmão MURILO SILVA MALTA DOS SANTOS,  de apenas 17 anos, enforcado com uma corda no pescoço, na sala próximo a cozinha.
Nosso Repórter Netto Maravilha esteve no local, Rua Iara Torres, Bairro Alto da Rainha, nº 159 em Senhor do Bonfim, e ouviu várias pessoas da família que sem acreditar no fato, se questionavam, o porque daquilo, “um jovem que nunca bebeu, não tinha inimigos, ele saiu ontem com amigos de trabalho da empresa Moto Gamboa, por volta de 23 horas nós começamos a procurar por ele, pois nunca tinha bebido nem tinha costume de demorar assim”, comentou o cunhado.
A mãe em prantos relatava para uma amiga, que seu filho havia chegado bastante embriagado em casa que nem conseguia segurar direito no portão, e que vomitou a casa, ela havia limpado e…
POLICIAL: MOTOQUEIRO MORRE AO COLIDIR FRONTALMENTE COM CARRETA NA BR 407 ENTRE TANQUINHO E TIJUAÇU
Por volta das 21h40min deste sábado  (05),  um jovem identificado por REGIVALDO, morador do povoado de Passagem Velha, zona rural de Senhor do Bonfim teve morte instantânea, ao colidir com uma moto ainda sem dados, contra uma carreta na altura do Km 144 da BR 407,  entre Tanquinho e Tijuaçu.


De acordo com as primeiras informações ele teria invadido a contramão indo de encontro a carreta

PRF, DPT da Civil e PM encontram-se no local.

Breve mais detalhes aqui no Maravilha Notícias.


Maravilha Notícias
Jovem morre após ser baleado em Ibiaporã Na tarde deste sábado, 05 de novembro de 2016, um jovem conhecido como Marinho, foi morto a tiros no município de Mundo Novo-BA.
O crime aconteceu por volta das 15 horas, na Rua Joaquim Sacerdote, no distrito de Ibiaporã, conhecido como Bonita. 
De acordo com informações de populares, o jovem se envolveu numa briga e sofreu um disparo de espingarda. Depois, ele foi socorrido e encaminhado para o hospital de Tapiramutá, mas não resistiu e morreu.

O jovem morava em Ibiaporã. O corpo será encaminhado para o IML da região, depois será liberado para o sepultamento.

Da redação do Blog Agmar Rios