Pular para o conteúdo principal

Câmara de Senhor do Bonfim promove audiência para discutir aterro sanitário


Nesta terça-feira, dia 11, a Câmara Municipal de Senhor do Bonfim, presidida pelo Vereador Reinaldo Santana, realizou mais uma audiência publica para discutir a implantação do aterro sanitário no Município.
O  Vereador Rê do Sindicato presidente da Cãmara,atendendo ao Requerimento do Vereador Hermógenes Gomes de Almeida, foi transformada a Sessão Ordinária em Audiência Pública para adebater sobre a possível implantação do Centro de Tratamento de Resíduos Sólidos no povoado de Salinas no Município de Senhor do Bonfim.
A composição da mesa foi formada:
  • Excelentíssimo Sr. Rui Gomes Sanches Júnior, Promotor de Justiça Titular – 5ª PJ de Senhor do Bonfim;
  • Excelentíssima Sra. Daniele C. Santiago Dantas Cordeiro, Promotora de Justiça Titular – 3ª PJ de Senhor do Bonfim;
  • Sr. Écles Santos, Sócio Diretor da CETREN;
  • Sr. Tomé Gonçalves, presidente da Associação do Povoado de Salinas.
Foi Informado aos presentes que não  seria tolerado nenhum tipo de interferência quando o orador estiver usando da palavra. Caso fosse descumprido a pessoa seria convidada para se retirar da platéria.

  • Convidado o Sr. Tomé Gonçalves, presidente da Associação do Povoado de Salinas, para fazer o uso da palavra pelo tempo de até 10 minutos.
  • Convidado o Sr. Écles Santos, Sócio Diretor da CETREN, para fazer o uso da palavra pelo tempo de até 10 minutos.
  • Convidado a Excelentíssima Sra. Daniele C. Santiago Dantas Cordeiro, Promotora de Justiça Titular – 3ª PJ de Senhor do Bonfim, para fazer o uso da palavra pelo tempo de até 10 minutos.
  • Convidado o Excelentíssimo Sr. Rui Gomes Sanches Júnior, Promotor de Justiça Titular – 5ª PJ de Senhor do Bonfim, para fazer o uso da palavra pelo tempo de até 10 minutos.
Fraqueada a palavra aos Srs. Vereadores pelo tempo de três minutos e por ordem alfabética.

  • Alexandre Ferreira
  • Andreilto de Almeida Barbosa
  • Carlos Alberto Dias dos Santos
  • Edson Ribeiro da Silva
  • Elizeu Conceição de Souza
  • Gerivaldo Ribeiro Sampaio
  • João Carlos de Castro
  • Jorge Souza e Silva Filho
  • Laércio Muniz de Azevêdo Jr.
  • Lúcia Cristina Souza Cerqueira da Silva
  • Otávio Xisto de Souza Júnior
  • Reinaldo Ferreira Santana
  • Reinaldo José da Silva
Foi franqueada a palavra pelo tempo de um minuto para cinco pessoas que estavam inscritos da platéia.
RESUMO:
  • O Sr. Écles Santos, Sócio Diretor da CETREN;disse que 90% dos resíduos sólidos serão  retirados do meio ambiente,tendo invista  a grande tecnologia  utilizada pelo projeto do aterro sanitário. Garantiu que que não haverá nenhuma degradação ambiental e que o projeto de sua empresa foi o único Brasileiro apresentado na Corea do Sul.
  • O Projeto tende a geração de emprego e renda, além de implantação de escolas e creches para comunidade,que serão geridos pelo Município;
  • E que serão gerados mais de 1.000 Postos de trabalho para o Município e para o território Norte do Itapicuru;
  • Cursos técnicos profissionalizantes, serão implantados para desenvolver a mão de obra qualificada;
  • Que as pessoas contratadas serão enquadradas dentro da CLT.
  • Não haverá poluentes e que este projeto vem sendo elaborado ha 5 anos;
  • Garantiu que os moradores da localidade de Salinas,terão dignidade e melhores condições para oferecer seus familiares.
  • O Sr. Tomé Gonçalves, presidente da Associação do Povoado de Salinas, fez uso da palavra,disse que se funcionasse daquela forma,seria muito bom,se vier;
  • Questionou se não existiria outra localidade, para implantar este projeto e porque em Salinas e o porque  a mudança do nome em 2015 de aterro para centro de tratamento de resíduos;
  • O Vereador do Município de Antonio Gonçalves, Jurandir Menezes,falou sobre a necessidade em que a comunidade deve ser escutada e receba o devido esclarecimento, más que a evolução e completamente necessária.
  • Dr.Ricardo Veras advogado representando a OAB,disse que a entidade era completamente a favar do empreendimento e que deveria ocorrer uma ação de esclarecimentos junto aos moradores da localidade.
  • Dra.Daniele C. Santiago Dantas Cordeiro, Promotora de Justiça Titular – 3ª PJ de Senhor do Bonfim, Fez o pronunciamento informando sobre o aguardo de ajustes de aferição da distancia entre o aterro e as localidade habitadas.
  • Na plateia a opinião do publico,foi que o centro de tratamento de resíduos sólidos, seja edificado em uma área não produtiva e não na localidade de Salinas.
  • O Vereador Carlos de Tijuaçu, se colocar a disposição para intermediar a edificação do projeto em uma area no distrito de Tijuaçu próxima uma propriedade do PCC Farias,pois queria ali este empreendimento para gerar emprego e renda para o seu povo.
  • Dr.jorginho fez questionamentos em relação as licenças ambientais para a implantação do centro  de tratamento de resíduos no Município de Senhor do Bonfim.
  • O Vereador Laércio Jr. fez questionamentos sobre os impactos ambientais e suas respectivas licenças fornecidas pelo Município.
  • O Vereador Adreilton Barbosa ,Parabenizou a População que estava disposta a defender sua comunidade e a empresa também dispostas a presentar soluções e que não percamos de vista a oportunidade de resolvermos problema.
  • A Vereadora Lucia Cerqueira, tirou duvidas sobre a questão das licenças tiradas em 2015, serveria agora para o centro de processamento de resíduos sólidos.
  • O Vereador Gerivaldo Sampaio disse que o projeto era muito importante que  não competia aos vereadores e sim a técnicos que analisaria a viabilidade do local correto.
  • O Vereador Hermógenes Almeida,autor do requerimento para realização da audiência publica, falou na tribuna que a empresa vem mostrando boa vontade em esclarecer as duvidas da comunidade e que o impacto ambiental fosse bem esclarecidos.
  • O Vereador Rê do Sindicato disse que não precisaria mais de um esclarecimento sobre o empreendimento, o assunto é que a distancia  do local para implantação do projeto fere a distancia estabelecida pela lei orgânica do Município.
ASCOM/CMSB
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Senhor do Bonfim-BA: Jovem de 17 anos se enforca no Alto da Rainha. Por volta das 15 horas deste sábado após voltar a sua casa para levar o almoço de seu irmão a jovem, Mirela, teve o pior susto de sua vida ao se deparar com o corpo de seu irmão MURILO SILVA MALTA DOS SANTOS,  de apenas 17 anos, enforcado com uma corda no pescoço, na sala próximo a cozinha.
Nosso Repórter Netto Maravilha esteve no local, Rua Iara Torres, Bairro Alto da Rainha, nº 159 em Senhor do Bonfim, e ouviu várias pessoas da família que sem acreditar no fato, se questionavam, o porque daquilo, “um jovem que nunca bebeu, não tinha inimigos, ele saiu ontem com amigos de trabalho da empresa Moto Gamboa, por volta de 23 horas nós começamos a procurar por ele, pois nunca tinha bebido nem tinha costume de demorar assim”, comentou o cunhado.
A mãe em prantos relatava para uma amiga, que seu filho havia chegado bastante embriagado em casa que nem conseguia segurar direito no portão, e que vomitou a casa, ela havia limpado e…
POLICIAL: MOTOQUEIRO MORRE AO COLIDIR FRONTALMENTE COM CARRETA NA BR 407 ENTRE TANQUINHO E TIJUAÇU
Por volta das 21h40min deste sábado  (05),  um jovem identificado por REGIVALDO, morador do povoado de Passagem Velha, zona rural de Senhor do Bonfim teve morte instantânea, ao colidir com uma moto ainda sem dados, contra uma carreta na altura do Km 144 da BR 407,  entre Tanquinho e Tijuaçu.


De acordo com as primeiras informações ele teria invadido a contramão indo de encontro a carreta

PRF, DPT da Civil e PM encontram-se no local.

Breve mais detalhes aqui no Maravilha Notícias.


Maravilha Notícias
Jovem morre após ser baleado em Ibiaporã Na tarde deste sábado, 05 de novembro de 2016, um jovem conhecido como Marinho, foi morto a tiros no município de Mundo Novo-BA.
O crime aconteceu por volta das 15 horas, na Rua Joaquim Sacerdote, no distrito de Ibiaporã, conhecido como Bonita. 
De acordo com informações de populares, o jovem se envolveu numa briga e sofreu um disparo de espingarda. Depois, ele foi socorrido e encaminhado para o hospital de Tapiramutá, mas não resistiu e morreu.

O jovem morava em Ibiaporã. O corpo será encaminhado para o IML da região, depois será liberado para o sepultamento.

Da redação do Blog Agmar Rios