É confirmada segunda morte por doença da urina preta na Bahia

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) divulgou nesta quarta-feira (11) o registro da segunda morte, na Bahia, com sintomas da doença misteriosa, que deixa a urina preta.
Segundo a Sesab o óbito ocorreu no último sábado (7), na capital baiana.
Como ainda não há informações sobre as causas da doença, os casos estão sendo chamados de “mialgia”, que significa dor muscular. A Vigilância Epidemiológica da Bahia está investigando o caso.
A primeira morte relacionada à doença misteriosa foi registrada nesta terça-feira (10), em Vera Cruz, na Região Metropolitana de Salvador.
As primeiras suspeitas eram de que peixes consumidos na região do litoral norte estavam causando intoxicação. Amostras de pacientes analisadas no laboratório de virologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA) indicaram vestígios do enterovírus e do parechovírus. A coordenação do laboratório espera ter um diagnóstico mais preciso até sexta-feira (13).
0