sábado, 8 de julho de 2017

Batida frontal entre carros deixa três mortos em rodovia baiana

Três pessoas morreram e um homem ficou ferido em uma violenta batida frontal entre dois carros, na manhã deste sábado (8), na BR-020, no trecho do distrito de Roda Velha, no município de São Desidério, oeste da Bahia. As informações são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).
Conforme a PRF, o motorista de um dos veículos e uma mulher que estava no banco da frente morreram no local. O corpo do condutor precisou ser resgatado das ferragens pelo Corpo de Bombeiros.
O passageiro que estava no banco de trás do veículo teve ferimentos, foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Luís Eduardo Magalhães, mas não resistiu e morreu.
O homem que dirigia o segundo carro também teve ferimentos e foi levado pelo Samu para o Hospital de Barreiras. Os corpos das vítimas também foram levados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Barreiras.
Segundo a polícia, um dos veículos invadiu a faixa contrária e bateu no outro carro envolvido no acidente. Uma perícia foi realizada no local e deve apontar as causas do acidente.
*Com informações do G1/BA

Criminosos que aterrorizavam Cachoeira e região são mortos em confronto com a polícia

No confronto com os policiais, os dois bandidos foram baleados. Levados para a Santa Casa de Misericórdia, não resistiram e acabaram morrendo no hospital.



Um criminoso conhecido pelo apelido de Rambo morreu na manhã desta sexta-feira (7) dentro de uma casa, onde estava escondido com um comparsa, reconhecido pelo apelido de ‘Bongo, no bairro Ladeira da Cadeia, em Cachoeira no recôncavo baiano.
Segundo a polícia, Rambo é suspeito de integrar facção criminosa especializada em roubos na região, tem registro de envolvimento com o tráfico de drogas e homicídios. Além disso, era temido na cidade, onde aterrorizava a população.
Ele foi descoberto após a polícia receber uma denúncia anônima de que o suspeito estava num local escondido. Equipes do 2° Pelotão da PM, Pelotão de Emprego Tático Operacional – PETO, Soint e uma equipe da Companhia Independente de Policiamento Especializado Litoral Norte – CIPE LN, sob o comando do Major Marcos Davi, foram verificar a denúncia e ao chegar ao local, na Ladeira da Cadeia, foram recebidos a tiros por Rambo e o comparsa.
No confronto com os policiais, os dois bandidos foram baleados. Levados para a Santa Casa de Misericórdia, não resistiram e acabaram morrendo no hospital.
Berimbau Notícias

Policial preso por suposta participação no assalto do Banco do Brasil de Jacobina, é preso novamente em Juazeiro.


O aluno sgt da PM Galdioso Moura da Silva foi preso na tarde de Ontem, quinta (06) na cidade de Juazeiro sob acuação de venda ilegal de munições de arma de fogo. A prisão aconteceu em um estacionamento de uma rede de supermercado do município, localizado no norte da Bahia, após denúncias anônimas

Galdioso já tem passagem pela polícia. Anteriormente ele foi preso por policiais da CPAC durante rondas feitas após o assalto ao Banco do Brasil de Jacobina, no carnaval de 2016 . O Cabo PM foi flagrado quando, segundo os policiais da CPAC, espalhava miguelitos no contorno da cidade de Caém na madrugada do assalto. Ele foi apresentado na delegacia de Jacobina e em seguida encaminhado para o Batalhão de Choque da PM, em Lauro de Freitas, onde ficou alguns meses custodiado, sendo liberado posteriormente. Após a prisão, a audiência de custódia do mesmo ocorreu no fórum Conselheiro Luís Viana - em Juazeiro. Galdioso está preso a disposição da Justiça na sede do 3° BPM na rodovia LOMANTO Júnior Km 03 na BR-407.
Fonte: Bahia Acontece.

A agência dos Correios da cidade de Nordestina, na região sisaleira da Bahia, pegou fogo na manhã deste sábado (8). Ainda não há informações sobre as causas do incêndio, mas, de acordo com um funcionário ouvido pela reportagem, a suspeita é de que as chamas tenham começado a partir de um curto-circuito.
O fogo foi percebido por volta das 7h40. A agência estava fechada e ninguém se feriu. De acordo com informações do repórter Edgar de Souza, testemunhas contaram que as chamas tomaram a agência e uma nuvem de fumaça escura se espalhou rapidamente. Vizinhos usara baldes para controlar o incêndio e evitar que o fogo chegasse à carceragem do complexo da Polícia Civil, que fica ao lado do imóvel.
Os moradores conseguiram salvar algumas caixas e documentos, mas muita coisa queimou, como correspondências e objetos. A direção da agência foi procurada e informou que o prejuízo será estimado após realização de perícia no local. O caso será registrado na delegacia da cidade.
Notícias de Santaluz

MENOR MATA ACIDENTALMENTE PRIMO DE OITO ANOS COM TIRO DE ESPINGARDA NA ZONA RURAL DE ITIÚBA



Um menor de 10 anos atingiu acidentalmente com um tiro outra criança de 8 anos, na manhã desta sexta-feira (07), na Fazenda Coxo, zona rural de Itiúba. A criança morreu no local.

O incidente aconteceu quando o autor dos disparos portava uma espingarda, na companhia do outro menor que ainda era primo, na referida Fazenda Coxo, que fica localizada há 18 km de distancia do Distrito de Piaus, o ocorrido segundo moradores, foi há aproximadamente 100 metros das residências dos menores, onde seguiam juntos com o objetivo de caçar na localidade, segundo informações de populares. A arma seria do pai do garoto que realizou o disparo.


Portal Itiúba.Net - com informações de Renilson Ramos


Policial: Rebelião em andamento no Complexo de Bonfim
Foi iniciada na noite deste sexta-feira (07), uma rebelião no Complexo Policial de Senhor do Bonfim, informações que um dos principais motivos desta situação iniciada hoje, seria a falta d’água, pois há mais de três dias não cai água no local, além de outras situações tipo, super lotação.
Alguns detentos que foram feito de reféns estão feridos e sendo atendidos no próprio Complexo
Vários policiais estão dando suporte neste momento, a fim de evitar uma possível fuga em massa.
Blog do Netto Maravilha

EQUIPAMENTO FALHA E GARIMPEIROS FICAM FERIDOS EM JAZIDA DE AMETISTAS EM SENTO-SÉ


Foto: arquivo
Dois garimpeiros que trabalhavam na jazida de ametistas que foi descoberta em abril deste ano, na cidade de Sento Sé, região norte da Bahia, ficaram feridos após um equipamento usado na exploração do local apresentar um defeito, na tarde desta sexta-feira (7). A informação foi passada ao G1 pela Polícia Civil. De acordo com a polícia, a máquina travou durante o trabalho e acabou atingindo os dois homens. Após o acidente, os trabalhadores foram socorridos e levados para o Hospital Municipal de Sento Sé, no centro da cidade.
Segundo a polícia, após avaliação inicial, um dos garimpeiros precisou ser transferido para o Hospital de Urgências e Traumas, em Petrolina (PE). Não há informações sobre o estado de saúde dele. O outro homem foi atendido na unidade de saúde, em Sento Sé, e, em seguida, recebeu alta. Este é o segundo acidente registrado na região desde que se iniciou a exploração da jazida. No dia 13 de junho, outros três garimpeiros se feriram por conta do desmoronamento em um dos buracos cavados na região.
Descoberta
A jazida de ametistas foi descoberta em abril deste ano. Ela fica localizada na Serra da Quixaba, a cerca de 54 km do centro de Sento Sé. O local não possui infraestrutura, mas isso não preocupa os garimpeiros de todo o país, que lotaram os hotéis e pousadas do município, para tentar achar ametistas no local. O valor do aluguel de imóveis passou de R$ 400 para R$ 1.500, em média. Desde a descoberta, quase oito mil pessoas chegaram à cidade, para a exploração da mina. Com isso, novos garimpos foram abertos na região. Alguns deles, em áreas urbanas, por pessoas em busca de outros tipos de minerais, como pedras semipreciosas.
Com a procura, os cerca de dois mil moradores da cidade estão preocupados, porque as escavações já se aproximam das residências do povoado. É possível ver buracos sendo cavados a menos de 400 metros de casas.
Ilegalidade
No final de junho, após encontrar irregularidades na atuação dos garimpeiros que estão na jazida de ametistas, o Departamento Nacional de Produção Mineral da Bahia (DNPM) decidiu autuar e interditar parte do local.O superintendente do DNPM na Bahia, Raimundo Sobreira, detalhou que o órgão autuou onze buracos, também chamados de cortes, feitos e usados pelos garimpeiros para entrar e colher as ametistas. Segundo ele, no local há entre dois a três mil buracos.
Agentes do departamento visitaram o local pela primeira vez no dia 17 de maio, quando iniciaram o processo de legalização da mina, que ainda não foi concluído, ou seja, a jazida continua ilegal. O estudo da extensão do garimpo continua e os agentes acreditam que os trabalhadores exploram uma área com cerca de 20 hectares.
Outro processo importante para a legalização da mina é que os garimpeiros se cadastrem na cooperativa da cidade que já existe no município desde 2008. A organização já reuniu documentos com dados da cooperativa e de integrantes, para entregar a DNPM. Conforme Sobreira, a entrega da documentação está em andamento e não há previsão de quando a jazida será legalizada.
Fonte: G1 Bahia