Pular para o conteúdo principal

Policial: PRF inicia Operação São João

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Bahia realizará, entre 0h de quinta-feira (22) e 23h59 de segunda-feira (26), a Operação São João 2017. Em virtude do tradicional feriado de São João, que acontece sábado (24), é esperado um crescimento significativo no fluxo de veículos nas rodovias federais do estado, com momentos de pico nos dias 23 e 25.
Com o objetivo de garantir segurança e fluidez aos usuários das rodovias baianas no período junino, a PRF colocou em operação todos os recursos materiais e humanos disponíveis, elaborando um planejamento que levou em conta a experiência adquirida em anos anteriores e as estatísticas de dias, horários e trechos que requerem mais atenção.
No período junino, a Superintendência Regional da Bahia (SRPRF/BA) receberá o incremento de 40 policiais lotados em outras regionais onde o São João não afeta de maneira tão significativa o trânsito quanto na Bahia. Serão PRFs de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Distrito Federal, Rio Grande do Norte e Pernambuco. Eles trabalharão integrados aos 495 policiais da Bahia envolvidos na Operação.
Fiscalização
O excesso de velocidade é a infração de trânsito mais cometida nas rodovias federais do estado. Responsável também por um número expressivo de acidentes, essa prática expõe o seu autor e os demais usuários a risco de acidentes com consequências graves. Ciente disso, a PRF irá operar com dez radares medidores de velocidade portáteis, dispostos ao longo dos pontos com maior probabilidade de ocorrerem acidentes. Além dos equipamentos portáteis, estarão em operação os radares fixos ao longo das BRs 324 e 116.
Outra prática a ser combatida é de dirigir sob efeito de álcool. Tradicionalmente, o São João é uma festividade em que o consumo de bebidas alcoólicas é elevado. Pensando nisso, para evitar que os motoristas peguem a estrada com a sua condição psicomotora alterada, a PRF intensificará a fiscalização de alcoolemia. Serão 95 equipamentos distribuídos nas viaturas e nas Unidades Operacionais, permitindo ao policial efetuar o teste em qualquer abordagem ao longo dos trechos fiscalizados.
Medidas preventivas
Serão empregadas ainda equipes de policiamento especializado do Núcleo de Operações Especiais (NOE), dos Grupos de Patrulhamento Tático (GPT) e do Grupo de Motociclistas da Regional (GMR). Essas equipes atuarão de acordo com as suas especificidades, realizando, além da fiscalização de trânsito, o enfrentamento à criminalidade. No caso do GMR, atuarão na fiscalização específica de veículos de duas rodas, tornando-a mais eficiente e segura.
Entre os dias 1 e 20 de junho, a PRF realizou 72 ações de retirada de animais das rodovias, recolhendo, no total, 337 exemplares das margens da pista. Na maioria de grande porte como bois, jumentos, burros e cavalos, esses animais, se atropelados, causariam lesões sérias nos ocupantes dos veículos. Com essas medidas preventivas, a PRF espera zerar os acidentes causados por atropelamento de animais no período do São João.
Trechos que requerem mais atenção
● BR 324 – Entre Salvador e Feira de Santana;
● BR 324 – Entre Feira de Santana e Capim Grosso;
● BRs 324 e 116 – Anel Viário de Feira de Santana;
● BR 116 – Euclides da Cunha, Itatim e Jequié;
● BR 407 – Entre Capim Grosso e Juazeiro, principalmente nas proximidades de Senhor do Bonfim;
● BR 101 – Entre a saída para a BR 324 até Santo Antônio de Jesus;
● BR 101 – Entre Itabuna e Eunápolis;
● BR 415 – Principalmente nas proximidades de Ibicuí;
● BR 367 – Entre Eunápolis e Porto Seguro.

Restrição de Tráfego
Fiscalização por videomonitoramento na BR 324
Neste São João, a partir do dia 22, a PRF realizará a fiscalização de infrações de trânsito na BR 324 também por meio das 36 câmeras de videomonitoramento instaladas ao longo da rodovia. Haverá pelo menos um policial dedicado exclusivamente a observar as imagens e a autuar condutores que cometerem infrações, principalmente transitar pelo acostamento, realizar retornos em locais proibidos, entre outras.
De longo alcance, os equipamentos podem ser operados remotamente pelo policial, sendo permitido a ele aproximar e mudar o ângulo da imagem para uma melhor visualização da cena.
Núcleo de Comunicação Social
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

IDENTIFICADA A VÍTIMA DE HOMICÍDIO NA FEIRA DO ALTO DA MARAVILHA