Mulher que fingia doença para pedir doações e seus comparsas já foram soltos no Tocantins


As três pessoas que foram surpreendidas pela polícia nesta quarta-feira, 22, em Araguatins/TO, depois de anunciarem uma falsa doença que impossibilitava uma mulher de andar, já foram liberadas. O trio prestou depoimento e foram liberados, já que nenhum morador denunciou que havia sido lesado por ajudar. 

Segundo a Polícia Militar, o anúncio servia para arrecadar dinheiro para o tratamento e era feito em um carro de som por toda a cidade. A PM informou que após o flagrante a mulher se levantou e andou. 

De acordo com os policiais, o anúncio informava que uma mulher que estava dentro do carro sofria de uma doença na coluna, o que não permitia que ela se levantasse. As doações estavam sendo recolhidas para realizar um suposto tratamento urgente. A PM diz que o nervosismo do trio chamou a atenção quando os policiais se aproximaram para conversar. 


O grupo é da cidade de Picuí, na Paraíba, distante cerca de 1.700 km de Araguatins.
Fonte: Folha do Bico.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog