Pular para o conteúdo principal



Justiça: Alessandro foi condenado a 17 anos de prisão por matar ex-namorada com 14 facadas em Bonfim
Aconteceu durante odo o dia dessa quarta-feira (22), o julgamento do assassino ALESSANDRO ARAÚJO, que matou a jovem MAYLA PAULA BEZERRA DA SILVA, de 18 anos, sua ex-namorada, fato ocorrido no dia 14 de janeiro de 2016, na Rua Leste Brasileira. Mayla foi morta com 14 facadas no quintal de sua casa.
O julgamento foi presidido pelo Exmo. Juiz Dr. Luiz Henrique de Almeida Araújo, na acusação a Promotora Drª. Daniele Cochrane, na defesa um advogado da Defensoria Pública.
Depois de longo e demorado júri, que foi aberto à população, o júri formado por 5 mulheres e dois homens, não atendeu as apelações feita pelo defensor público e pediu a condenação do réu, que foi sentenciado a 17 anos de regime fechado.
Poucas pessoas acompanharam o julgamento, bem como poucos familiares de ambas as partes.
Alessandro foi recambiado ao complexo Policial.
Blog do Netto Maravilha
0