quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

URGENTE: Localizados parentes da família morta em tragédia na BR-324 em Riachão do Jacuipe


A manhã desta terça-feira (3) foi de muito trabalho e ligações para a equipe de Policia Civil da cidade de Riachão do Jacuípe, tudo em prol de localizar parentes da família que morreu tragicamente na colisão da tarde de ontem (2), próximo a Vila Aparecida, onde um Fiat Uno bateu de frente com uma carreta.


Após serem identificadas as vitimas e seus pertences terem sido levados para a delegacia, os corpos foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da cidade de Serrinha, onde são feitas as pericias agora, não sendo mais necessário ir para Feira de Santana. Rosendo da Costa Sobral era quem dirigia o carro, que vinha de uma cidade no interior do Ceará, de onde ele era natural.
Após a checagem de todos os pertences das vítimas, uma funcionaria da Delegacia, a senhora Conceição Oliveira, conseguiu encontrar alguns números de telefones nos pertences da família, ligando para alguns deles conseguiu falar com um sobrinho da esposa de Rosendo, a jovem Roberta Aparecida Ribeiro, que também morreu no acidente. Os parentes não sabiam da tragédia, e já estavam estranhando a falta de ligações e contato por parte da família na estrada, já que vinham telefonando de alguns trechos para avisar como iam de viagem.

Os parentes acreditavam que o Uno havia sofrido problemas mecânicos em alguma cidade sem sinal de celular e aguardavam um novo contato ou a chagada da família em Ubá-MG, cidade de origem, no dia de  hoje. Ainda segundo esse sobrinho que não teve o nome revelado, Rosendo fazia essa viagem duas vezes ao ano para rever a família no Ceará, no São João e final de ano, ele sempre ia de carro, todos ficaram em estado de choque com a notícia. 

Além dos filhos que morreram no acidente, Rosendo tinha mais dois filhos do primeiro casamento, que moram em São Paulo, a família em Ubá-MG se encarregou de avisar aos mesmos, para que venham para a Bahia reconhecer o corpo do pai, parentes de Roberta também já estão a caminho de Serrinha-BA para reconhecer e liberar o corpo dela. Segundo informações não oficiais, uma idosa parente de Roberta teria passado mal ao saber da tragédia e teria sido internada em Minas. O translado dos corpos serão feitos assim que forem reconhecidos, o de Rosendo seguirá para o Ceará, os das crianças e de Roberta seguirá para Minas Gerais onde serão sepultados.
Postar um comentário