sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Avião cai na Suíça e deixa duas vítimas; foi o quarto incidente com aeronaves no mesmo dia


Um avião comercial caiu, na tarde desta quarta-feira, na Suíça, deixando duas pessoas mortas. De acordo com o site L'Alsace, o bimotor Piper PA-34 tentava aterrisar no aeroporto EuroAirport Basel-Mulhouse-Freiburg quando o acidente aconteceu. Este foi o quarto incidente envolvendo aeronaves nesta quarta-feira.

Ainda segundo o site, dois corpos foram encontrados no local, o do piloto e o de outro passageiro ainda não identificado. O EuroAirport foi fechado e os voos devem permanecer suspensos até o fim da noite

No momento da queda, havia forte neblina e as condições de visibilidade era baixas. Fóruns sobre aviação afirmam que o piloto de um AirBus A320 que estava na pista relatou quase ter sido atingido pelo Piper.

No Japão, um avião militar caiu, nesta quarta-feira, após uma falha técnica. O piloto foi ejetado com segurança e passa bem. O acidente ocorreu com uma das duas aeronaves que realizavam uma missão de treinamento de formação. Na Austrália, dois aviões da 'Virgin Austrália' colidiram na pista de voo, quebrando uma das asas dos boeings. Não houve feridos no incidente. Uma das aeronaves estava se preparando para decolar em direção à Melbourne, na Austrália. 

EXTRA

Barcelona convida Chapecoense para a disputa do Troféu Joan Gamper


Buscando ajudar a Chapecoense após a tragédia que resultou na morte de 71 pessoas no último dia 29 de novembro, na Colômbia, entre jogadores do time catarinense, integrantes da comissão técnica, jornalistas e dirigentes, o Barcelona anunciou oficialmente nesta quinta-feira que convidou a equipe brasileira para a disputa do Troféu Joan Gamper da próxima temporada. O torneio é de caráter amistoso e conta com apenas uma partida, normalmente realizada em agosto, no Camp Nou."O Barcelona quer prestar homenagem às 71 pessoas que morreram no acidente e às suas famílias. Por isso, vai trabalhar para que o Troféu Joan Gamper de 2017 seja uma grande homenagem do mundo do futebol para todas essas pessoas, através de diferentes iniciativas em torno deste jogo e que serão reveladas como a aproximação da data", informou o clube por meio da nota oficial publicada nesta quinta-feira."Com o convite da Chapecoense para o Troféu Joan Gamper de 2017, o Barcelona quer colaborar na reconstrução institucional e desportiva do clube e ajudá-lo a recuperar o nível competitivo que possuía", completou o comunicado.O Barcelona fez o convite à Chapecoense dois depois de o time espanhol ter goleado o Borusia Mönchengladbach por 4 a 0, no Camp Nou, pela rodada final do Grupo C da Liga dos Campeões. Assim, a equipe garantiu o topo da chave, com 15 pontos, e agora aguarda a definição do seu adversário nas oitavas de final, que será determinado por meio de sorteio. BN

Oposição e movimentos sociais entregam 2º pedido de impeachment de Temer

Sem a presença do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), oposição e movimentos sociais protocolaram na manhã desta quinta-feira (8) o segundo pedido de impeachment do presidente da República, Michel Temer. Maia, que receberia o requerimento pessoalmente, foi para o Palácio do Planalto e nenhum membro da Mesa Diretora recebeu o pedido de abertura do processo de afastamento. Sob protestos da oposição e dos movimentos, o pedido foi entregue ao Secretário Geral da Mesa, o servidor Wagner Padilha. "Nenhum deputado teve a dignidade de receber", criticou o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas. O grupo esperou por mais de meia hora a chegada de Maia e, insatisfeitos com a espera, transformaram o gabinete da presidência da Câmara em palco de protesto pelo "Fora Temer, Diretas Já". Apoiado por PT e PCdoB, o pedido de impeachment se baseia na acusação de que o presidente da República cometeu crime de responsabilidade ao patrocinar a advocacia administrativa no episódio envolvendo os ex-ministros Marcelo Calero (Cultura) e Geddel Vieira Lima (Governo). Os juristas que ajudaram a elaborar o documento dizem que Temer atuou para resolver um problema privado de Geddel ao trazer para o governo o imbróglio envolvendo a liberação para construção de um prédio em Salvador (BA), onde Geddel comprou um imóvel. "O presidente atuou de forma indecente para proteger um subordinado", declarou o professor da Universidade de Brasília, Marcelo Neves. O grupo pregou não só o afastamento de Temer como a aprovação de uma proposta que permita a eleição direta para presidente da República. Em discurso, o professor da UNB disse que o País não pode ter outro presidente biônico se Temer for afastado. "Queremos diretas já! O povo brasileiro quer votar", defendeu. O pedido de impeachment é assinado por Alexandre Conceição (MST), Carina Vitral (UNE), Carolina Tokuyo (Fora do Eixo), Carolina Proner (jurista), Clayton (Mídia Ninja), Denildo (Comunidades Negras Rurais Quilombolas), Edson da Silva (Intersindical), Gabriel dos Santos (ANPG), Guilherme Boulos (MTST), Ivanete Oliveira (Unegro), Juvelino Strozacke (jurista), Leonardo Yarochevsk (jurista), Luana Pereira (Levante Popular), Lúcia Rincón (UBM), Marcelo Neves (jurista), Raimundo Bonfim (CMP), Sonia Bone (APIB) e Vagner Freitas (CUT). O primeiro pedido de afastamento após o episódio Geddel foi apresentado pelo PSOL. O requerimento até hoje não foi analisado pela presidência da Câmara.

Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil

NOTICIÁRIO POLICIAL






POLICIAL: POLÍCIA APREENDE MAIS 9 KG DE MACONHA APÓS PRISÃO DE TRAFICANTE EM BONFIM


Na última quarta-feira 07/12/16, Policiais Civis da 19ª COORPIN prenderam em flagrante delito o nacional JÚNIO PEREIRA DUARTE, 32 anos, sendo que nessa quinta-feira (08) receberam informação que o ele poderia ter mais maconha escondida em um imóvel, o que se dirigiram ao local e lá encontraram a quantia de 9 Kg de maconha enterrada, tendo o JÚNIO PEREIRA DUARTE assumido que essa droga também lhe pertencia, perfazendo um total de 13.5 Kg de maconha apreendida em seu poder.

Ascom - 19ª COORPIN Senhor do Bonfim/Ba.


Jacobina: Homem é assassinado a tiros dentro de bar na Rua das Laranjeiras


acusada-de-matar-professores

Reviewed by: 
Rating:
5
On sexta-feira, 9 de dezembro de 2016
Last modified:sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Summary:

Jacobina: Homem é assassinado a tiros dentro de bar na Rua das Laranjeiras
Paulo Roberto Carvalho Freire, conhecido por Nildo, foi assassinado com vários tiros dentro do bar ‘Boate Kiss’, localizado na Rua das Laranjeiras, bairro Caixa D’água, em Jacobina. O crime aconteceu por volta das 23h15 desta quinta-feira, 8, quando dois homens armados e usando capacetes chegaram no estabelecimento da vítima.
Jacobina: Homem é assassinado a tiros dentro de bar na Rua das Laranjeiras
Segundo informações do blog Bahia Acontece, o bar estava lotado no momento do crime. Os assassinos entraram no estabelecimento, sacaram as armas e apontaram para a vítima. Os clientes que estavam no bar ficaram desesperadas, mas os atiradores teriam dito que ‘todos ficassem tranquilos, que eles queriam somente Paulo’. Em seguida, os homens abriram fogo contra a vítima, que foi alvejada várias vezes e morreu no local. Os criminosos fugiram utilizando uma moto que haviam deixado estacionada próximo ao local do crime.
Jacobina: Homem é assassinado a tiros dentro de bar na Rua das Laranjeiras
A Polícia Militar foi acionada e chegou no local do crime pouco depois da execução. Os policiais fizeram rondas no intuito de capturar os suspeitos, mas eles conseguiram fugir e não foram localizados. Após a perícia do DPT no local do crime, o corpo de Paulo será recolhido para o IML – Instituto Médico Legal.
A autoria e motivação do crime ainda são desconhecidas. A Polícia Civil vai investigar o homicídio.
Redação Jacobina Notícias / Informações e fotos: Bahia Acontece

Santaluz: PM prende dupla por participação na morte de professores

acusada-de-matar-professores

A Polícia Militar prendeu na manhã desta quinta-feira (8) uma jovem identificada como Gleice da Costa Anjos, de 19 anos, e apreendeu um adolescente de 17 anos por envolvimento na morte dos professores Edivaldo Silva de Oliveira, 32 anos, conhecido como Nino, e Jeovan Bandeira, 39, ocorrida no dia 10 de junho deste ano, em Santaluz.
Os dois foram detidos por policiais da Quinta Companhia do Décimo Sexto Batalhão, com apoio do delegado titular da cidade, João Farias, após denúncia anônima. Conforme a PM, a dupla confessou ter participado do crime e apontou o jovem identificado como Alan Militão Pires, morto na última terça-feira (6) após deixar a delegacia da cidade de Valente, onde estava preso por tráfico de drogas, como mentor do crime após uma tentativa de sequestro frustrada.
populacao-em-frente-a-delegacia
“Ela assumiu que participou do sequestro dos professores com a ajuda dos outros dois suspeitos e os colocou dentro do porta-malas do carro de Nino. Segundo ela, a intenção era liberar as vítimas na cidade de Queimadas, mas se envolveram em um acidente e capotaram o carro na saída de Santaluz, e decidiram incendiar o veículo para forjar um suposto incêndio”, revelou a fonte ouvida pelo Notícias de Santaluz. “A jovem disse ainda que toda ação foi orquestrada por Alan, que era seu namorado e a teria ameaçado para não contar”, completa. A dupla foi encaminhada para a delegacia da cidade, onde prestaram depoimento.Uma grande multidão se concentrou em frente a Delegacia pedindo justiça. Na saída houve muita revolta e populares ameaçavam tomar os acusados dos policiais.
Crime
Dois corpos foram encontrados carbonizados dentro do porta-malas de um carro incendiado às margens da BA-120, em Santaluz, na noite de 10 de junho deste ano. O veículo estava capotado na estrada que dá acesso ao município de Queimadas. Guarnições da Polícia Militar e da Guarda Municipal foram acionadas após receberem a informação de que um acidente teria ocorrido e, quando chegaram ao local, constaram que os corpos estavam no porta-malas.
carro-dos-professores
Um dos dois corpos encontrados, que a família acredita ser do professor Jeovan Bandeira, segue sem identificação seis meses após o crime. Já o corpo de Nino, foi identificado por meio de prontuário odontológico, no DPT de Feira de Santana, e sepultado.
professores-de-santaluz
As informações e fotos são do Notícias de Santaluz

Jovem é encontrado morto com marcas de tiros entre Baixa Grande e Macajuba


Na manhã desta quinta-feira, 08 de dezembro de 2016, um jovem ainda não identificado foi encontrado morto na zona rural do município de Baixa Grande.

De acordo com as primeiras informações de populares, o crime aconteceu em uma estrada vicinal, nas proximidades fazenda Caldeirão Encantado, entre os município de Baixa Grande e Macajuba. 

O corpo do jovem foi removido do local e encaminhado no rebecão para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), para os procedimentos de praxe.

Ainda segundo informações, no corpo do jovem tem sinais de perfurações de disparos de arma de fogo. A polícia esteve no local. 
Aguardem mais informações...

Da redação do Blog Agmar Rios



Bandidos interceptam ambulância e matam paciente que era transportado


Um homem foi executado dentro de uma ambulância quando estava sendo transferido do município de Itabuna para Teolândia, a cerca de 160 quilômetros do local de origem, na região sul da Bahia. Segundo informações da Polícia Militar, o crime aconteceu na quarta-feira (7), em um trecho da BR-101. A vítima ainda teve o corpo queimado pelos suspeitos.

Ainda de acordo com a PM, a vítima residia na cidade de Teolândia, mas estava internada em um hospital de Itabuna porque havia sido baleada em uma tentativa de homicídio. Após apresentar melhora no quadro clínico, o paciente estava sendo transferido para a cidade onde morava.

A ambulância foi interceptada por dois veículos, e obrigada a seguir em direção a uma estrada vicinal da BR-101. Lá, o paciente foi morto com golpes de faca e tiros, e em seguida teve o corpo queimado pelos suspeitos. O motorista da ambulância não foi ferido, e os criminosos fugiram após o ataque.

A PM realizou rondas pela região, mas até a manhã desta quinta-feira (8), ninguém foi preso. A motivação e autoria do crime serão investigadas pela delegacia de Teolândia.

G1 / FOTO VB



Por volta das 13h50, policiais da 5ª Companhia, conduziram à Delegacia, um homem de 30 anos, por ameaçar outro de 25 anos, armado com uma faca. O fato aconteceu na Rua Rui Barbosa, em Filadélfia. Após ter sido ameaçado, a vítima, um homem de 25 anos, acionou os policiais que realizaram diligencia, encontrando o homem de 30 anos, momentos depois, ainda portando a faca.

A vítima e o acusado foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência - TCO.

fonte :6º BPM

Operação policial cumpre doze mandados de busca e apreensão em Irecê/BA


Uma operação de combate ao tráfico de drogas e crimes contra o patrimônio, cumpriu 12 mandados de busca e apreensão nesta quinta-feira (08), em Irecê/BA. A ação conjunta das polícias Civil, Companhia Independente de Policiamento Especializado/Semiárido – CIPE/SA e Polícia Militar começou desde o início da manhã.

A movimentação policial chamou a atenção na área central da cidade. A ação também se estendeu até a zona rural do município.

De acordo com a polícia, no Bairro Paraíso foi preso em flagrante delito um homem identificado por André Paiva Costa. Com ele, a polícia apreendeu 214 gramas de maconha. No povoado de Umbuzeiro, zona rural do município,foi preso Edvaldo Evangelista de Jesus, porte ilegal de arma de fogo, sendo apreendidas um rifle calibre 28, um rifle calibre 38, três espingardas artesanais e munições de diversos calibres. Na comunidade de Lagoa Nova foi apreendida certa quantidade de maconha e duas pessoas foram conduzidas para a Delegacia Regional de Irecê.

Nas ações desencadeadas no Centro da cidade foi apreendido o menor de iniciais ABFF e preso Pedro Henrique Lima Gomes, sendo apreendido em poder dos mesmos um revólver calibre 32. Lima foi preso logo após cometer um assalto com o apoio de seu comparsa. CN



Um ano após o assassinato da menina Beatriz, morta em Petrolina no colégio onde o pai era professor, a Polícia Civil decidiu designar a delegada Gleide Ângelo para a chefia das investigações. O anúncio foi feito na manhã desta sexta-feira (9), pelo chefe da Polícia Civil de Pernambuco, Antônio Barros, que disse que a delegada terá dedicação exclusiva ao caso. Além dela, o delegado Alfredo Jorge, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), e Marcione Ferreira, que já era o titular do caso, atuarão nas investigações.
A nova equipe passará a trabalhar assim que o Ministério Público de Pernambuco devolver o inquérito do crime, pedido pelo órgão para avaliação. “Os delegados só podem agir quando os documentos forem devolvidos. Esse pedido, que foi feito no dia 16 de novembro, é normal, para averiguar a evolução das investigações. Ao todo, são 13 volumes de inquérito policial e seis anexos. A portaria que determina as mudanças na equipe de investigação foi publicada nesta sexta-feira (9) e o início das atividades é imediato”, explicou Antônio Barros.
Beatriz foi assassinada no dia 10 de dezembro de 2015, com cerca de 42 facadas dentro de um dos mais tradicionais colégios particulares de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. O crime ocorreu dentro da quadra onde acontecia a solenidade de formatura das turmas do terceiro ano da escola, em que a irmã da menina se formava. A última imagem que a polícia tem de Beatriz foi registrada às 21h59, quando ela se afasta da mãe e vai até o bebedouro do colégio, localizado na parte inferior da quadra. O corpo de Beatriz foi encontrado minutos depois, atrás de um armário de uma sala de material esportivo que estava desativada.
Na quinta-feira (8), Lúcia e Sandro Mota, pais de Beatriz, foram a Brasília encontrar o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, pedir apoio federal nas investigações. Sobre o pedido, Antônio Barros afirmou que a família confia no trabalho da Polícia Civil, tanto que não chegou a pedir federalização, mas sim apoio nas diligências. Ele também afirmou que, após o reforço empregado neste mês nas investigações, caso o crime não seja solucionado, ele mesmo pediria a federalização do caso.
“Até agora, fizemos 137 perícias e ouvimos 208 pessoas. Levantamos um suspeito, cujo retrato-falado foi divulgado. Na escola, 11 pessoas chegaram a vê-lo, mas ninguém soube qualificá-lo”, afirmou. Para ele, não houve falhas nas perícias e no curso das investigações. “Não descartamos nenhuma hipótese. Temos a sensação de que a solução está muito próxima. Se conseguíssemos qualificar o suspeito, a situação mudaria totalmente de figura”, disse. Qualificar um suspeito é descobrir dados que possam levar à localização, como nome, profissão, idade.
Como a portaria, publicada em novembro deste ano, deixa a delegada Gleide Ângelo em exercício exclusivo do Caso Beatriz, na Delegacia de Olinda, onde está lotada, assume a adjunta Fabiana Leandro.
Perícia
A polícia encontrou dois tipo de DNA masculino na cena do crime. Até agora, no entanto, só foi possível identificar um dos suspeitos, em imagens disponibilizadas pela população. Por meio de retrato-falado, 11 pessoas reconheceram o homem, mas nenhuma foi capaz de qualificá-lo. Nas filmagens é possível ver o suspeito andando ao redor do colégio e entrando na quadra onde acontecia a festa, 20 minutos antes de Beatriz ser vista pela última vez.
G1 PE


Polícia procura segundo guarda municipal envolvido em morte no Coliseu


 Redação Bocão News | Fotos: Divulgação
 
 
Na manhã desta sexta-feira (9), equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) estiveram no bairro de Pernambués, em Salvador, para tentar capturar o guarda municipal Ricardo Luiz Silva da Fonseca, 36 anos. Para a polícia ele é o suspeito de ter atirado em Marcelo Tosta dos Santos, 37, no último sábado, dentro da casa de shows Coliseu. O guarda possui mandado de prisão.
 
O servidor municipal não foi encontrado e familiares não souberam informar onde ele estaria. O irmão do guarda foi ouvido e disse que Ricardo possui uma pistola 380, da marca Glock, além de um veículo modelo Veloster (Hyunday). 
 
"As investigações apontam que a vítima foi morta por uma arma de fogo com as mesmas  caraterísticas da usada pelo guarda, bem como a fuga de um dos autores se deu com um carro Veloster preto. Ou seja, todas as informações conferem", explicou o diretor do DHPP, José Bezerra.
 
O delegado contou também que testemunhas reconheceram Ricardo como sendo o autor dos disparos. "Estamos com equipes nas ruas checando locais que ele costumava frequentar", disse Bezerra, acrescentando que o guarda é considerado foragido da Justiça.
 
Naílton Adorno do Espírito Santo, outro guarda municipal envolvido no homicídio, continua internado no Hospital Geral do Estado.




MATÉRIA ESPECIAL - UM ANO SEM RESPOSTAS: QUEM MATOU BEATRIZ ANGÉLICA?



A noite de 10 de dezembro de 2015 terminou de forma trágica na cidade de Petrolina. Nesse dia o Colégio Maria Auxiliadora, referência de ensino há décadas na região, realizava a festa de formatura de alunos do Ensino Médio.
Mais de 2 mil pessoas estavam nas dependências da escola. A menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, acompanhava a família naquele momento festivo quando desapareceu em meio ao público e foi encontrada morta com 42 facadas em uma sala de material esportivo desativada da instituição.
O crime chocou a população do Vale do São Francisco que durante um ano inteiro cobrou da Polícia Civil de Pernambuco o desfecho do caso. Várias foram as manifestações de familiares pedindo justiça nas cidades de Juazeiro e Petrolina. O caso também ganhou repercussão nacional e envolveu autoridades a nível federal. A comoção pelo assassinato de Beatriz também uniu vários seguidores nas redes sociais.
O Blog Geraldo José acompanhou e fez coberturas de todas as informações passadas pela polícia ao longo dos últimos 12 meses. Para lembrar a morte prematura de Beatriz, o Blog selecionou alguns principais dados divulgados pela polícia sobre as investigações.
Em 22 de fevereiro a Polícia Civil apresentou o retrato falado do suspeito de ter assassinado Beatriz. De acordo com o desenho, o homem seria moreno, com aproximadamente 70 quilos e medindo entre 1,65 e 1,70 metros de altura. Suspeitos de ser o homem do retrato falado chegaram a ser interrogados pela polícia, mas até o momento nenhuma pessoa foi presa. 
 No dia 29 de março o delegado de polícia Marceone Ferreira, responsável pelas investigações da morte da menina, revelou dados que comoveram a imprensa e a população do Vale. Segundo os trabalhos da polícia, Beatriz não teria sido morta no local em que foi encontrada, mas transportada para o depósito. O delegado chegou a apontar a participação de cinco personagens no crime,  que não tiveram os nomes revelados, mas que eram funcionários da escola.
Ainda nessa coletiva a polícia explicou que os assassinos de Beatriz a escolheram de forma aleatória. “Foi abordada uma outra criança e Beatriz não foi induzida a descer ao bebedouro. Ela desceu porque a água dela acabou. Ela pediu a mãe. Foi questão de oportunidade”, disse, à época, Marceone Ferreira.
Após meses sem fazer qualquer anúncio sobre o andamento das investigações, no dia 8 de setembro a Polícia Civil, em coletiva, trouxe novas informações sobre o caso.
Na oportunidade o delegado Marceone e o perito Gilmário Lima revelaram que dois DNA´s diferentes, um na faca utilizada no crime e outro embaixo das unhas da mão direita de Beatriz, foram constatados e que a faca do crime teria sido usada pela primeira vez, já que foi encontrado silicone na ponta da faca. Outro dado importante sobre a faca usada no crime foi que o DNA encontrado no objeto teria 99.9% de certeza de ser do suspeito.
A polícia, nessa data, divulgou imagens do suspeito de assassinar Beatriz nos arredores da escola, transitando pelas ruas que dão acesso à quadra do colégio. Nas imagens, o suspeito entrava no colégio no momento em que tinham muitas pessoas na porta e muitos pais e estudantes já deixando a festa.
A reportagem do Blog Geraldo José tentou contato com o delegado Marceone Ferreira na tentativa de colher novos detalhes sobre a morte de Beatriz que completa um ano neste sábado (10). No entanto, o delegado disse que não iria se pronunciar sobre o caso. Procuramos a Assessoria de Imprensa da Polícia Civil de Pernambuco e também não obtivemos resposta.
Os pais de Beatriz, o professor Sandro Robério e Lucinha Mota, atenderam a redação do Blog Geraldo José.
Emocionado, Sandro afirmou que o ano de 2016 não existiu para a sua família que hoje depende de tratamentos psicológicos para tentar amenizar a dor da perda de Beatriz. “Esse ano basicamente para nós não aconteceu. Nós ficamos parados naquele dia 10 de dezembro. É uma situação difícil. Nossa família está tendo apoio de psicólogos e psiquiatras, sempre a base de medicamentos. Não podemos trabalhar, a nossa casa tivemos que sair porque nos trazia muitas lembranças. É muito traumatizante, é uma situação complicada e eu não desejo a ninguém passar por uma situação como esta”, afirmou o pai de Beatriz.
A mãe Lucinha ressaltou ao Blog que a família e os amigos de Beatriz irão continuar na luta pela resolução do crime. “É muito difícil conviver com essa dor, mas Deus está me levantando e nós estamos buscando todas as formas para que a justiça seja feita. Nós vamos continuar lutando. Vamos buscar todos os meios possíveis. A Justiça é de Deus e ele ama a Justiça. É nossa obrigação fazer com que isso aconteça”.
Lucinha afirmou ainda que o caso ainda não foi solucionado devido à falta de estrutura da Polícia Civil de Pernambuco. “A falta de elucidação do caso se deve a falta de investimento, a falta de estrutura na delegacia, no IML, falta de qualificação técnica com os profissionais. Mas tudo que foi apresentado pelo Dr. Marceone e o perito Gilmário nós compartilhamos e peço a todas as pessoas que também compartilhem para que o criminoso seja preso”, desabafou.
O Blog também solicitou ao Colégio Maria Auxiliadora um posicionamento sobre da entidade sobre o caso. Por meio de nota a assessoria do estabelelcimento de ensino prestou os seguintes esclarecimentos:
Blog-Qual o sentimento da escola, direção, professores, em ver que se chegou a um ano da morte da menina e caso continua sem solução?
R-O sentimento da Escola é o mesmo que povoa o coração de todos que acompanham e se sensibilizaram com o caso: desejo de justiça. Toda a congregação Salesiana está imbuída na esperança de que o caso será elucidado e paira a indignação por ainda não ter sido encontrado o responsável, ou responsáveis, por este crime bárbaro.

Blog -Nesses 12 meses como a escola tem contribuído com as investigações da Polícia?
R-Atendendo prontamente todas as solicitações das autoridades, disponibilizando materiais, gravações e toda e qualquer informação que possa contribuir com os responsáveis pela investigação. Acompanhando e disponibilizando funcionários, professores e corpo diretivo para prestar depoimentos. A escola acionou o serviço de disque denuncia logo após o crime e provocou diversos encontros com instâncias como Ministério Público, governo do estado e até mesmo a Prefeitura. A escola investiu – e continua investindo- todos seus esforços para contribuir com as autoridades.

Blog-O que mudou na rotina da escola após a morte de Beatriz?
R-Foi ampliado o sistema de monitoramento por câmera. Reforçado a equipe de vigilância e segurança. Implantando o sistema de biometria para acesso as instalações da escola e adotadas algumas medidas internas de segurança.

Blog-A escola ainda continua com a área do crime isolada, já que funcionou normalmente durante todo o ano? A direção acha que o funcionamento normal da escola durante o ano pode ter influenciado na cena do crime?
R-A escola está seguindo rigorosamente todas as determinações das autoridades responsáveis pela investigação e a área onde o fato aconteceu apenas será reutilizada após autorização das mesmas. As áreas que estão sendo utilizadas pelo colégio, para cumprimentos das atividades acadêmicas, não foram interditadas pela polícia ou MP, portanto, não há relação com  a cena do crime.
Da redação Alinne Torres

Raio atinge escola durante apresentação e causa susto entre estudantes; assista

Caso aconteceu na cidade de São Félix do Coribe, no Oeste da Bahia. Uma aluna desmaiou e precisou de atendimento médico
Estudantes de uma escola da cidade de São Félix do Coribe, na região Oeste do estado, passaram por um susto na última terça-feira (6), quando apresentavam uma coreografia no pátio da instituição. Um raio atingiu uma árvore que fica dentro do Colégio Estadual Professor Valdir de Araújo Castro.
De acordo com informações da TV Bahia, os alunos estavam na área externa da escola assistindo a apresentação quando por volta das 15h o raio caiu e atingiu a árvore. Uma das alunas desmaiou e precisou de atendimentos médicos. Ela foi socorrida para um hospital da região e já recebeu alta.
Não estava chovendo no local no momento em que o raio caiu. Como alguns estudantes filmavam a apresentação, o vídeo se espalhou nas redes sociais. Nas imagens, é possível ver o momento em que o raio atinge a árvore. Veja:

SAÚDE: GRANDE MUTIRÃO DE LIMPEZA FOI REALIZADO NOS BAIRROS DO BONFIM III E IV.


O Mutirão de Limpeza recolheu aproximadamente 06 caçambas de lixo do bairro Bonfim III e Bonfim IV, apenas esta manhã.

Esta já é a quinta ação durante a semana com o objetivo de deixar a cidade fora do risco de surto da Dengue, Zika e Chinkungunya além de eliminar os possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti.

Durante toda a manhã desta quinta-feira 08/12, cerca de 60 funcionários municipais envolvendo Agentes de Endemias (ACE), Agentes Comunitários (ACS), Enfermeiras, profissionais do PSF e Garis percorreram as principais ruas dos bairros realizando distribuição de panfletos informativo sobre como combater o mosquito, a limpeza das ruas e a retirada do lixo, de qualquer natureza descartados pelos moradores.

“Ao longo da semana, estivemos anunciando no bairro que hoje realizaríamos essa ação de limpeza. Orientamos os moradores a não jogar novamente lixos nas ruas onde forma limpas, solicitamos também para que deixasse tudo o que seria descartado nas portas de suas residências, para que pudéssemos recolher tudo, sem deixar nada para trás”, explica Marlon Agente de Endemias.

Ao todo, 15 toneladas de lixo serão retiradas ate o fim desta ação.

“Há algum tempo temos feito essas ações. Na verdade, é uma guerra que travamos contra o mosquito desde quando chegamos a Secretaria municipal de saúde, essa situação está cada vez mais grave e piora à medida que as pessoas deixam de limpar os seus quintais. Então, assim como a secretaria de saúde tem atuado no combate à doença, a população deve contribuir fazendo sua parte em não jogar o lixo nas ruas, córregos e áreas verdes, e sim descartar de forma legal”, afirmou o secretário de saúde Anderson Luz.

Os Agentes de Endemias informa que as visitas aos cemitérios da cidade serão realizadas na manhã da próxima sexta-feira, 09, o atraso se deu por conta de um problema mecânico (solucionado), na bomba intercostal, responsável pelo bloqueio fumacê.

Essas ações são realizadas em parceria entre os setores da administração municipal como, Secretaria de infra estrutura, Secretaria municipal de saúde, Agentes de Endemias (ACE), Agentes Comunitários (ACS) , Setor de Obras, e Garis.

Denunciem possíveis focos do mosquito pelo telefone (74) 3541-8270

Combater o mosquito é dever de todos, faça sua parte!

ASCOM ACCE

EMPREGO: VAGAS DE EMPREGO EM BONFIM


O SINEBAHIA/SAC – Sr. do Bonfim está selecionando candidatos à vaga de:


 Técnico Agrícola

Curso Técnico;
Experiência na área.
Habilitação A/B

 Recepcionista Atendente

Portador de Necessidades Especiais.

 Cabeleireiro Escovista

Experiência na área .

 Torneiro Mecânico

Ensino Médio Completo;
Experiência na área.

 Caixa

Ensino Médio Completo;
Experiência na área.

Interessados comparecer ao SINE/BAHIA no Central Shopping , de segunda a sexta, das 07 às 15 horas.

Polícia Federal cumpre mandados em Euclides da Cunha e Caldas do Jorro


Polícia Federal cumpre mandados em Euclides da Cunha e Caldas do JorroA Polícia Federal (PF) e cumpre nesta sexta-feira (9) 84 ordens judiciais nos estados da Bahia, Alagoas, Goiás, Mato Grosso, São Paulo e Sergipe. Expedidas pela Justiça de Sergipe, as ordens judiciais incluem 28 mandados de prisão preventiva, sete de prisão temporária e 49 de busca e apreensão. O prejuízo estimado pode passar dos R$ 15 milhões. Na Bahia, a Operação Canto da Sereia acontece nos municípios de Euclides da Cunha e Caldas do Jorro. Informações da PF e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) dão conta de que motoristas eram aliciados por uma quadrilha para entregarem cargas de interesse. Em alguns casos, os próprios motoristas teriam oferecido as mercadorias aos criminosos. De acordo com a polícia, após a negociação, o motorista registrava ocorrência policial como roubo em outro estado, na tentativa de dificultar a investigação. Toda a logística para transporte, armazenamento e repasse da carga roubada era oferecida pelos aliciadores. Por sua vez, os receptadores revendiam os produtos em estabelecimentos comerciais. Os envolvidos no crime deverão ser indiciados por lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva, fraude à licitação, falsa comunicação de crime e formação de organização criminosa. As penas somadas podem superar 700 anos de prisão. BN