Postagens

Mostrando postagens de Março 20, 2012

SECA. 89 municípios em emergência. Juazeiro e Bonfim são os mais afetados com a falta d'água e comida para os animais.

Imagem
Oitenta e nove municípios baianos já decretaram situação de emergência por causa da seca. Em quase todas as regiões do estado, os prejuízos se multiplicam por causa da estiagem. A falta de chuva já provocou perdas para centenas de pequenos produtores rurais. Quem vive na cidade também está sofrendo com a falta de água.
Em Juazeiro, no norte do estado, nem a plantação de palma (planta típica do semiárido) resistiu. A estiagem já dura cerca de dez meses. A plantação do agricultor Francisco José da Silva já está comprometida.Em Senhor do Bonfim, também no norte do estado, onde foi decretada situação de emergência há dez meses, mais de 15 mil pessoas da zona rural estão sem água. A produção de leite e carne já caiu pela metade. Na cidade, a água só chega até as casas em semanas alternadas.Esse racionamento também é feito em Irecê, na região da Chapada Diamantina, onde os moradores há cinco meses só têm água nas torneiras três dias por semana. A barragem de Mirorós, que abastece catorze c…

IRECÊ.Filho usa machucador de feijão e botijão de gás para matar a mãe. D

Imagem
Uma idosa de 70 anos foi assassinada pelo próprio filho com um machucador de feijão e um botijão de gás no município de Presidente Dutra, próximo a Irecê, no centro-norte baiano. Djanira Maria do Espírito Santo foi morta no sábado (17), mas a polícia só encontrou o corpo nesta segunda-feira (19), após ligação de vizinhos que sentiram um cheiro estranho na casa. Jailson Pires dos Santos, 37 anos, confessou o crime e está preso na delegacia local. Em entrevista a uma rádio da região, ele narrou o crime com detalhes e não se mostrou arrependido. “Cheguei da roça por volta de umas 6 horas (da noite), fui jantar e ela começou a me xingar. Peguei um machucador e dei quatro cacetadas atrás do ‘cachaço’ dela, como se mata bode. Ela ficou agonizado e eu ‘rumei’ um botijão duas vezes na cabeça para não dar mais trabalho”, contou friamente antes de declarar não estar arrependido – “eu nunca tive carinho de mãe”, concluiu. Fonte: Irecê Repórter

CAPIM GROSSO.Homem é executado com vários tiros no contorno de Bonfim

Imagem
Por voltas das 23:00h de ontem (19), a guarnição da PM comandada pelo Sargento Almeida foi informada que moradores próximos ao contorno de Bonfim teria ouvido alguns tiros, ao se deslocar ao até o local encontrou o corpo de um homem com várias perfurações a tiros sem nem um tipo de identificação.
Só após a chegada de um agente da Polícia Civil foi possível fazer a identificação, o mesmo se trata de Eliano da Cruz Damasceno (Bal), 38 anos, morador do Bairro à Água Nova, natural de Jacobina. A família de Eliano conhecido como Bal, informou ao agente da polícia civil, que quatro homens desconhecidos o pegaram na casa dele dizendo que iria levar o mesmo para delegacia. Segundo a polícia Bal já teria sido preso por envolvimento com drogas em Capim Grosso. Moradores afirmaram ter ouvido cinco tiros, no corpo de Bal era possível ver algumas perfurações na cabeça e um dos braços estava dilacerado, que a polícia acredita teria sido tiro de uma arma de grosso calibre. A polícia segue investi…